top of page
  • Apresentação
    (...) as JOAQUINAS são várias, que lutam por justiça, igualdade, solidariedade, educação pública de qualidade, como categorias concretas de ação política engajada e transformadora. JOAQUINA sendo JOAQUINAS é a voz da mudança (...) Este documento é uma versão expandida do Plano de Gestão, elaborado com a contribuição dos servidores e dos estudantes, proposto pela professora Joaquina Nobre, em atendimento ao edital nº 63/2020. O texto aqui disponibilizado traz propostas apresentadas, de forma integradora e por áreas, sendo elas: Ensino, Pesquisa, Extensão, Gestão e Estudantes. Convidamos toda a comunidade do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Norte de Minas Gerais (IFNMG) a conhecer, com profundidade, as ideias de Joaquina Nobre, dos demais servidores e dos estudantes para a gestão do quadriênio 2020 – 2024. ​ A criação dos Institutos Federais foi uma estratégia fundamental para alavancar o desenvolvimento regional, por meio do ensino e da igualdade de oportunidades, e com pressupostos pautados em uma concepção de educação a qual contempla a transformação e o desenvolvimento social, por meio de práticas educativas inovadoras, reflexivas, críticas e participativas, sobre diferentes aspectos, nos tempos atuais. Assim, o é uma instituição de educação, pluricurricular e multicampi, especializada em formar e qualificar cidadãos, no aperfeiçoamento acadêmico e profissional, com vistas na atuação nos diversos setores da economia. O IFNMG traz, portanto, em sua história, o compromisso de inclusão social e gestão participativa. ​ Nessa perspectiva, a consulta pública para escolha de dirigentes é uma oportunidade única para rever os rumos da instituição em sua missão de contribuir para o desenvolvimento socioeconômico das regiões dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri, Norte e Noroeste de Minas Gerais, por meio da Educação, Ciência e Tecnologia. A professora Joaquina Nobre, em seus 25 anos de atuação na educação pública - sendo que 10 deles, são no IFNMG - reuniu conhecimentos substanciais nas áreas de Gestão, Pesquisa, Extensão e Práticas Pedagógicas, os quais, agora, estão à disposição da comunidade para potencializar os resultados e a qualidade do Ensino, na integração com a Pesquisa inovadora e as práticas extensionistas no IFNMG.
  • Trajetória acadêmica e profissional da Professora, Pesquisadora, Extensionista e Gestora, Joaquina Nobre"
    A servidora Joaquina Nobre atuou como professora de Língua Portuguesa da rede pública estadual de ensino, desde o ano de 1995. Em 1997, graduou-se em Letras pela Universidade Estadual de Montes Claros (UNIMONTES), até então, a única referência em Educação Superior na região do Norte de Minas Gerais. A partir da conclusão do curso de Letras, ministrou aulas de Língua Portuguesa, Literatura, Redação e Língua Inglesa na rede pública e em escolas privadas da cidade de Pirapora, atuando na educação básica, profissional e superior. ​ No ano de 2001, após aprovação em concurso para a rede estadual de ensino, cursou a especialização em Ensino de Língua Inglesa pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) a fim de aprimorar a atuação no ensino básico, onde os desafios apresentam-se de forma intensa e dinâmica para a prática docente. ​ Em 2009, ingressou na Rede Federal de Ensino, via concurso, no recém criado Instituto Federal do Norte de Minas Gerais. Atuou como professora no campus Januária por dez meses, até ser removida, por meio de edital, para o campus Pirapora, onde assumiu a Coordenação de Extensão no ano de 2010, atuou como Coordenadora Geral de Ensino em 2011 e, como Coordenadora de Ensino dos cursos técnicos no ano de 2012, contribuindo assim, para a implantação da unidade. Ainda em 2011, iniciou especialização em Gestão pública pela UNIMONTES, curso concluído em 2013. Também em 2013, ingressou no doutorado em Estudos Linguísticos pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU) defendendo a tese em 2017. ​ Toda essa bagagem de conhecimento, que a atuação em sala de aula, em gestão, e as especializações acadêmicas produziram - aliada à postura proativa, transparente e inclusiva - nortearam o trabalho da professora Joaquina Nobre à frente da Direção Geral do campus Pirapora, a partir do ano de 2016.
  • A gestão da Professora Joaquina à frente do IFNMG, Campus Pirapora"
    O ano de 2016 foi um momento de muitas turbulências para a educação federal. A instabilidade natural, pela transição de governo, o contingenciamento de verbas e as reações a essas incertezas, não foram impedimentos para que o campus Pirapora conquistasse grandes avanços no âmbito do Ensino, Pesquisa, Extensão, Inclusão e Infraestrutura. ​ Ao longo da sua gestão, a Professora Joaquina Nobre, juntamente com os servidores do campus, implementou uma atuação empreendedora, a qual foi capaz de enfrentar desafios, antever oportunidades e cenários. A partir de análise cuidadosa e especializada, garantiu-se a qualidade da educação, mediante a otimização dos fluxos e das tarefas do campus. Sempre com foco na melhoria do processo ensino-aprendizagem, na sustentabilidade da instituição, governança e no bom relacionamento com a comunidade escolar. ​ A gestão participativa, em uma instituição de ensino, nunca está completa se os discentes não estão incluídos nas discussões acerca das tomadas de decisão. Nessa direção, a gestão no campus Pirapora teve como prioridade o incentivo à participação e fortalecimento da representação estudantil. A professora Joaquina Nobre, mesmo durante sua atuação como Diretora Geral, nunca se afastou da sala de aula, em um movimento de aproximação dos estudantes, tornando mais fácil o conhecimento de suas necessidades. ​ Essa relação dialógica e transparente culminou na organização de eventos institucionais, como o Jogos Intercampi do IFNMG (JIFENMG) em 2017, IFMundo em 2018 e VIII Seminário de Iniciação Científica (SIC), I Seminário Programa de Pós-graduação em Educação Profissional e Tecnológica (ProfEPT) e VI Prospectar em 2019, os quais oportunizaram o trabalho em equipe, de maneira eficiente e exitosa. Nesse sentido, os resultados mais relevantes dessas experiências somam-se à transformação do clima organizacional, em prol de resultados efetivos. ​ A gestão no campus Pirapora foi marcada por uma liderança participativa e democrática, a qual oportunizou uma maior aproximação da comunidade de abrangência do campus. No exercício da gestão democrática, a compreensão de que a Gestão de Pessoas, e seus princípios, são fundamentais para que a escuta de sugestões e, mesmo das críticas, possam frutificar em aprimoramento produtivo da qualidade do serviço entregue à comunidade. ​ Visando o bem-estar dos discentes e servidores, muitas ações foram realizadas no campus, no sentido de melhorar a infraestrutura e, consequentemente, a qualidade do trabalho e do estudo de toda a comunidade. Desde a climatização das salas de aula, a pavimentação do campus, a reforma dos prédios - do piso ao teto - até o redimensionamento dos espaços, todas as ações foram pensadas de forma participativa.
  • Destaques da sua gestão
    Captação de recursos financeiros, superiores a R$ 1.000.000,00 (um milhão de reais), por meio de emendas parlamentares; ampliação da oferta de cursos técnicos presenciais, em atendimento aos anseios da comunidade e arranjos produtivos locais; criação do Núcleo de Protocolo e Atendimento à Comunidade (NUPAC) o que representou, ao olhar da população, um grande avanço e uma possibilidade sólida de comunicação dinâmica e assertiva; melhoria dos indicadores educacionais do campus; licitação concluída do prédio de salas de aula e laboratórios; capacidade empreendedora de assumir riscos calculados e desenvolver projetos inovadores e eventos institucionais de grande porte; sinergia organizacional ao conseguir fazer uma gestão, que direciona os servidores do campus para alcançar as metas e objetivos estabelecidos no Plano de Gestão; gestão participativa, evidenciada na habilidade de dialogar e negociar com servidores, discentes e fornecedores; primazia pelos interesses da coletividade em detrimento de interesses individuais, com equidade e sem favoritismo; competência atestada para gestão em tempos de crises: econômica, política, sanitária e de relacionamentos interpessoais, sem permitir que o campus estagnasse o desenvolvimento; criação e fortalecimento de parcerias interinstitucionais, viabilizando o desenvolvimento de Projetos de Ensino, Extensão, Pesquisa e Inclusão, fato que refletiu no ingresso dos discentes e egressos no mundo do trabalho, na adesão das empresas locais aos editais de chamada para apoio, e na transferência de bens; transparência em relação ao uso dos recursos públicos, à movimentação de pessoas e à formação de parcerias; visão ampla de todo o IFNMG, em função dos anos de participação nos órgãos internos de tomada de decisão e de consultoria: Conselho Gestor do campus Pirapora, Colégio de Dirigentes do IFNMG e Conselho Superior do IFNMG; interesse em viabilizar a qualificação profissional e a capacitação continuada para os servidores nas várias áreas do conhecimento; empatia e solidariedade com os servidores e discentes, sempre que a situação exigiu acolhimento, atenção e inclusão.
  • Gestão do campus Pirapora em números e indicadores
    A atuação da professora Joaquina na Direção-geral do campus Pirapora será, resumidamente, apresentada a partir de alguns indicadores para Ensino, Pesquisa, Extensão e Gestão. Tabela 1: Relação de Indicadores Educacionais do campus Pirapora (2016 e 2020) A atuação da professora Joaquina na Direção-geral do campus Pirapora será, resumidamente, apresentada a partir de alguns indicadores para Ensino, Pesquisa, Extensão e Gestão. Tabela 2: Quantitativo de Projetos de Pesquisa e Extensão do campus Pirapora (2016 a 2020) A tabela 3, a seguir, relaciona-se com a gestão e apresenta as despesas empenhadas pelo campus Pirapora durante a administração da professora Joaquina, o que permite o conhecimento da gestão de gastos. Tabela 3: Principais Despesas Empenhadas de 2016 a 2020 do campus Pirapora (2016 a 2020)
  • Considerações
    JOAQUINA, como JOAQUINAS é mulher educadora. Atualmente, ela ocupa posição de liderança e representa a oportunidade de amplificar as vozes de todas as pessoas do IFNMG. Vozes, muitas vezes, silenciadas e esquecidas, que, contudo, trazem iniciativas, gana, projetos, olhares, concepções e trabalhos fundamentais para a melhoria da educação e da vida das pessoas, seja no âmbito do IFNMG ou em outros importantes espaços da sociedade. O nome JOAQUINA é a maneira de caminharmos rumo à construção de um IFNMG cada vez mais forte, justo, ético, transparente, participativo, dialógico, democrático e transformador das suas comunidades de entorno. As propostas apresentadas neste Plano de Gestão traduzem os princípios norteadores da candidatura da professora Joaquina Nobre. Cada uma delas é, também a tradução dos anseios de diferentes segmentos do Instituto Federal do Norte de Minas Gerais. O compromisso assumido é o de realizar uma gestão transparente em seus processos, humanizada em suas abordagens e perspectivas, com o fortalecimento de todas as unidades. ​ A educação pública já estava diante do grande desafio da inovação e, essa necessidade foi catalisada pela atual situação de emergência sanitária, causada pela pandemia da Covid-19. Nesse cenário, fica evidente que, o compromisso do IFNMG, pela inclusão social, é fundamental na garantia de uma educação de qualidade a todos. Nessa direção, a proposta de integração apresentada aqui, tem como compromisso basilar a qualidade de trabalho aos servidores, criando a possibilidade de que sua energia criativa possa aprimorar os serviços prestados à comunidade, em especial, aos discentes do IFNMG, nos diferentes níveis de ensino. ​ Do encontro entre a gestão participativa e as potências criativas dos profissionais servidores, nasce uma instituição inovadora, a qual caminha em consonância com as expectativas da sociedade. ​ A pluralidade dos sujeitos os quais compõem o Instituto Federal do Norte de Minas Gerais, é a inspiração para que as propostas aqui apresentadas tornem-se efetivas na vivência institucional pelos próximos quatro anos. Assim, o seu voto em JOAQUINA NOBRE para REITORA do IFNMG é fundamental para construir a instituição aqui delineada.
  • Valores e princípios da gestão
    Transparência Inclusão social Humanização Inovação
  • Princípios norteadores
    Humanização e diálogo permanentes com a comunidade, transparência institucional e de governança, respeito irrestrito aos órgãos de representação da comunidade IFNMG; defesa do ensino público, laico, gratuito e de excelência; indissociabilidade entre Ensino, Pesquisa e Extensão, respeitando as diferenças das áreas de formação dos docentes; gestão sustentável e profissionalizada, baseada em planejamento, responsabilidade orçamentária, financeira e social, e prestação de contas; disseminação e fortalecimento da identidade IFNMG; respeito à diversidade, valorização da pluralidade e, principalmente, à liberdade de expressão e participação democrática; compromisso com a responsabilidade ambiental; contribuir, efetivamente, para o desenvolvimento local/regional.
  • Propostas
    O ensino público no Brasil, de forma geral, passa por transformações consideráveis, mas o seu potencial de desenvolvimento humano, econômico e social é salutar e vital para o crescimento do país. Neste contexto, reflexões e discussões na política de gestão do IFNMG, perpassam pelo tripé: Ensino, Pesquisa e Extensão, bem como, Gestão e Inclusão. Assim, com o compromisso de integração efetiva, apresentam-se as propostas integradoras no formato de tópicos e as propostas dos demais eixos apresentam-se de forma detalhada com o benefício a ser proporcionado e o procedimento de realização de cada proposição. Propostas integradoras São apresentadas nas áreas de Ensino, Pesquisa, Extensão e Gestão, todas permeadas pela Inclusão, e buscam evidenciar o diálogo entre as áreas. Reforça-se o entendimento de que, para realizar um bom trabalho, os órgãos da Reitoria e dos campi devam estar integrados, para a oferta de uma educação de qualidade, socialmente referenciada. Nesse eixo, as propostas se apresentam no formato de tópicos. Gestão Nessa seção são apresentadas as principais propostas, para qualificar a política de Gestão de Pessoas, Administração, Planejamento, Desenvolvimento Institucional, Tecnologia de Informação e Comunicação. Ensino Enuncia as principais propostas para qualificar as políticas de Ensino, Educação a Distância, Educação do Campo, Assistência Estudantil, Inclusão e Internacionalização da Instituição Aos estudantes Aqui estão organizadas as principais propostas, as quais impactam, diretamente, na vida dos discentes. Algumas questões dialogam mais diretamente com os seus anseios, dentre elas, destaca-se a temática da Assistência Estudantil. Pesquisa Apresenta as principais propostas para qualificar a política de Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação da instituição. É importante destacar que a inovação, como um dos valores da gestão, é transversal e aparece nos demais eixos. Extensão Discorre as principais propostas para qualificar a política de Extensão e as relações entre o IFNMG e a comunidade.
  • Propostas integradoras - Ensino
    Fomentar e promover ações de natureza sistêmica, no âmbito do Ensino, Pesquisa Extensão e Inclusão, as quais promovam a difusão, valorização e consolidação de ações relativas aos estudos afro-brasileiros e étnico raciais; impulsionar a produção audiovisual de conteúdos relacionados ao ensino, pesquisa e extensão; incentivar a cultura empreendedora no âmbito da Gestão, Ensino, Pesquisa e Extensão; incentivar o processo de Curricularização da Extensão, conforme preconiza a legislação vigente; estimular a oferta de cursos voltados para a Educação Quilombola e Indígena; promover a criação do programa “Observatório do Mundo do Estudante” ou instância correlata, com apoio dos grupos de pesquisa em educação; consolidar a Política de Cooperação Nacional e Internacionalização do IFNMG; consolidar a cultura de avaliação no Instituto, por meio da utilização dos resultados de avaliações internas e externas como ferramentas de gestão; implantar/implementar o Centro de Línguas (CELIN) em todos os campi; fomentar a construção de projetos, programas e eventos integradores de Ensino com interface na Pesquisa e na Extensão; aprimorar as tecnologias de suporte ao Sistema Integrado de Biblioteca (SIBI), otimizando o atendimento às demandas dos servidores e discentes; modernizar as Bibliotecas, por meio de capacitação e aquisição de equipamentos e mobiliários para atendimento de demanda; capacitar bibliotecários e/ou servidores lotados na Biblioteca, para aprimoramento dos serviços de referência da instituição; capacitar, anualmente, os servidores das Bibliotecas do IFNMG, de acordo com as demandas levantadas pela coordenação destes núcleos/setores; convocar um representante da Biblioteca para participar de decisões que envolvam o ensino de modo geral; fortalecer o Encontro de Ensino e o Encontro da Assessoria Pedagógica; apoiar a realização de encontro e reuniões setoriais dos servidores da Biblioteca e do Registro Escolar/Acadêmico; consolidar o processo de implantação do Cajuí realizando o constante desenvolvimento de ferramentas que otimizem a sua utilização e trabalho dos envolvidos; implantar a Certificação Digital para atender as legislações pertinentes e como a garantir a confiabilidade, autenticidade, integridade e durabilidade de todas as informações dos processos e documentos originais; implantar o Acervo Acadêmico com o objetivo de otimização de espaço e economicidade, e melhoria do atendimento à comunidade.
  • Propostas integradoras - Pesquisa
    Compartilhar laboratórios entre os campi para Ensino, Pesquisa e Extensão, potencializando a infraestrutura e equipamentos já existentes no IFNMG; promover a iniciação científica como etapa formativa do estudante; estudar a viabilidade de implantação de equipamentos de incentivo à inovação (Incubadoras, Aceleradoras, Parques Tecnológicos); estimular e apoiar pesquisas de apoio à inclusão (indígenas, quilombolas, deficientes, etc.); estruturação de laboratórios; fortalecer as empresas juniores e estimular a criação de Spin-offs.
  • Propostas integradoras - Extensão
    Desenvolver ações para realização de cursos de Formação Inicial e Continuada (FIC); propiciar as ações de integração com a comunidade externa, fortalecendo o Portfólio de Oportunidades; integrar as políticas de Ensino, Pesquisa, Inovação e Extensão por meio de planejamento participativo e democrático; fortalecer a participação da comunidade nos núcleos de apoio à inclusão do IFNMG, a exemplo dos: Núcleos de Estudos, Pesquisas e Extensão Afro-Brasileiros e Indígenas (NEABIs), Núcleos de Arte e Cultura (NACs), Núcleos de Ensino e Pesquisa sobre Gênero e Sexualidade (NEPGESs), Núcleos de Ações Inclusivas (NAIs) e Núcleos de Atendimento às Pessoas com Necessidades Específicas (NAPNEs); incentivar a criação de uma rede para o desenvolvimento de tecnologias educacionais e objetos de aprendizagem, articulados aos processos de Ensino, Pesquisa, Inovação e Extensão; participar ativamente e contribuir com grupos sociais, e também em eventos como Encontro dos povos do Cerrado, Encontro das Águas, etc.; incentivar a elaboração e a publicação de material didático e de comunicação institucional o qual contemple a diversidade presente na sociedade brasileira.
  • Propostas integradoras - Gestão
    Aprimorar as políticas de gestão e organização da instituição, contemplando a sustentabilidade financeira, infraestrutura física, e toda a rede de valorização e desenvolvimento das pessoas que compõem o IFNMG; aprimorar a articulação entre as Pró-reitorias/Diretorias Sistêmicas e Assessorias com os campi, visando a um compartilhamento das boas práticas institucionais; promover encontro de Tecnologia da Informação para estabelecer as soluções tecnológicas mais adequadas para a instituição; aprimorar a infraestrutura tecnológica de suporte à Educação a Distância (EAD); incentivar a transformação digital institucional, visando à melhoria do desempenho das atividades gerenciais, finalísticas e de apoio do IFNMG; ampliar a transparência e a visibilidade das ações de gestão, por meio dos canais institucionais de comunicação, e desenvolver mecanismos para a criação da Rádio IFNMG; criar mecanismos para estabelecer e manter programas de manutenção preventiva de veículos, tratores e equipamentos industriais, por meio de planejamento anual; providenciar infraestrutura básica para as unidades com demanda reprimida; estabelecer um programa de ação para o fortalecimento do setor de produção dos campi agrícolas, visando a melhoria das atividades do núcleo profissionalizante; aprimorar as tecnologias de suporte ao Sistema Integrado de Biblioteca (SIBI), otimizando o atendimento às demandas dos servidores e estudantes; implantar sistema de videomonitoramento, com vistas a reforçar a segurança nos campi e na Reitoria.
  • Propostas - Gestão
    As propostas para gestão do IFNMG estão baseadas na transparência, democracia, humanização e diálogo coletivo, valorizando e reconhecendo todos os servidores como indivíduos que contribuem para a construção das políticas institucionais. Respeitando sempre a comunidade, por meio da observação de regulamentos, estatutos, legislação e órgão colegiados superiores. Assim, este tópico versa sobre a importância de atividades capazes de ajudar a racionalizar os processos referentes à gestão do IFNMG. Proposta: Elaborar um diagnóstico da situação real, especificando cada área e departamento do IFNMG. Benefícios: Conhecimento real da situação do IFNMG, possibilitando a tomada de decisões e o fortalecimento da gestão transparente junto à comunidade. Como: Diagnosticar cada setor por meio do responsável de cada pasta (Pró-reitorias e Diretorias). O resultado global será apresentado para a comunidade IFNMG. Proposta: Aproximar a Reitoria com todas as unidades do IFNMG. Benefícios: Estreitamento das relações entre Reitoria e unidades, fortalecendo um canal de diálogo e conhecimento da realidade específica de cada unidade do IFNMG. Como: Visitar, in loco, frequentemente, cada unidade do IFNMG, a partir de um calendário de planejamento junto às unidad Proposta: Aprimorar a Fundação de Apoio e Desenvolvimento do Ensino Tecnológico (FADETEC). Propor gestão de projetos, em parcerias com empresas, e viabilizar projetos de consultorias docente em especialidades técnicas. Benefícios: Garantia de possibilidades de renda extra ao IFNMG; possibilidade aos docentes de execução de trabalhos técnicos específicos fora do IFNMG; autonomia na gestão de projetos. Como: Atender à Lei 13.243/2016 que dispõe sobre estímulos ao desenvolvimento científico, à pesquisa, à capacitação científica e tecnológica e à inovação, aumentando o número de horas que o docente, em dedicação exclusiva, pode dedicar a atividades de inovação fora da instituição, de 120 horas para 416 horas anuais. A FADETEC poderá auxiliar na gestão destes projetos de consultoria. Proposta: Firmar a Política Institucional Permanente de Governança, Organização e Gestão do IFNMG, tendo como premissa sua responsabilidade social. Benefício: Compromisso e respeito na gestão pública. Como: Definir modelo de governança, por meio do fortalecimento do planejamento estratégico, deixando um legado de organização e facilitação do trabalho da gestão. Proposta: Apresentar, na Secretaria de Educação Tecnológica (SETEC), um relatório das condições atuais, com projetos de reformas, com objetivo de conseguir recursos extraorçamentários para aperfeiçoamento dos campi. Benefício: Manutenção de uma relação de transparência e gestão profissionalizada. Como: Estabelecer diálogo, permanentemente, por meio das relações institucionais do IFNMG. Proposta: Intensificar as relações interinstitucionais com o Executivo, o Legislativo e o Judiciário, em âmbito nacional, estadual e municipal, para ampliar o espectro de atuação do IFNMG. Benefício: Estreitamento das relações interinstitucionais. Como: Fomentar reuniões, convênios, visitas, trabalho em conjunto com os referidos órgãos. Proposta: Realizar uma gestão junto ao Ministério da Educação (MEC), parlamentares e instituições público-privadas. Benefício: Captação de recursos extraorçamentários para atender a demanda reprimida por obras e reformas gerais. Como: Estabelecer diálogos com representantes políticos na esfera municipal, estadual e federal. Proposta: Firmar a Política Institucional Permanente de Integração e Desenvolvimento Institucional do IFNMG. Benefícios: Intensificação dos diálogos entre as instâncias finalísticas (Ensino, Pesquisa, Pós-Graduação, Inovação e Extensão) e de apoio, sistêmicas e locais, visando à articulação das ações. Aperfeiçoar os processos concernentes ao cadastro dos Projetos de Ensino, Pesquisa e Extensão, ou seja, todos os setores do IFNMG integrados de forma coesa e eficiente. Como: Executar reuniões mensais para planejamento e execução das ações de acompanhamento dos objetivos do Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI) e de intervenções possíveis no âmbito do IFNMG. Proposta: Fortalecer o Colégio de Dirigentes (CODIR) no exercício da função de estruturar a Política de Governança, Organização e Gestão do IFNMG. Benefício: Alinhamento entre a comunidade e os responsáveis pelas decisões no IFNMG. Como: Propor à comunidade maior relação com o CODIR, por meio do incentivo à participação (sugestões) e transparência. Alterar o regulamento para publicizar os encontros. Proposta: Afirmar a autonomia financeira, administrativa, didático-pedagógica e científica do IFNMG. Benefício: Governabilidade de acordo com os anseios locais, com entendimento da realidade institucional. Como: Manter transparência com a comunidade e clareza nas proposições do IFNMG junto às instâncias superiores (MEC). Proposta: Intensificar as ações administrativas e pedagógicas as quais priorizem a geração de renda e a dignidade humana dos segmentos mais vulneráveis da sociedade. Benefício: Cumprimento do compromisso social do IFNMG. Como: Criar canais de diálogo com a comunidade e implementar projetos extensionistas continuados visando a sustentabilidade social. Propostas: Fortalecer a Política de Comunicação do IFNMG, estreitando o diálogo com as comunidades: interna e externa. Ampliar a transparência e a visibilidade das ações de gestão, por meio dos canais institucionais de comunicação, e desenvolver mecanismos para a criação da Rádio IFNMG. Benefícios: Construção de uma estrutura de comunicação e entretenimento na comunidade IFNMG, a qual oportunize o desenvolvimento institucional; criação de programas específicos voltados para informação da sociedade com boletins de servidores sobre: alimentação, gestão, tecnologia da informação, agricultura, educação, etc. Como: Fortalecer o espaço destinado para o Participe. Fazer brainstorm com atores de cada campus; criar programas específicos voltados para informação da sociedade com boletins técnicos sobre: alimentação, gestão, tecnologia da informação, agricultura, educação, ingresso no IFNMG, parcerias para aplicação de tecnologias a partir da inovação e pesquisas aplicadas. Proposta: Aprimorar políticas de comunicação com a sociedade, dando ênfase ao site, redes sociais e demais instrumentos de comunicação. Benefício: Consolidação da relação do IFNMG com sua comunidade de abrangência. Como: Institucionalizar as excelentes ações já existentes em alguns campi de forma a promover o aprimoramento de toda a política de comunicação; proporcionar condições de trabalho e estruturar o setor de comunicação. Proposta: Fortalecer a imagem do IFNMG nos meios de comunicação (rádio, TV e jornal), por meio da divulgação dos cursos ofertados, dos Projetos de Pesquisa, Inovação e Extensão, das atividades dos NEABIs, NACs, NEPGESs, NAIs e NAPNEs, bem como dos trabalhos de divulgação do vestibular. Benefício: Divulgação da marca e do compromisso do IFNMG com o ensino público de qualidade socialmente referenciada. Como: Impulsionar a produção audiovisual de conteúdos relacionados ao Ensino, Pesquisa e Extensão para maior visibilidade do IFNMG. Proposta: Criar mecanismos para estabelecer e manter programas de manutenção preventiva de veículos, tratores e equipamentos industriais, por meio de planejamento anual. Benefício: Gestão preventiva impactando na diminuição de custos. Como: Contratar transporte terrestre para os servidores e colaboradores a serviço da Reitoria e demais campi, utilizando solução tecnológica para a operação e a gestão do serviço em tempo real, por meio de aplicação web e aplicativo mobile. Proposta: Providenciar infraestrutura básica para as unidades com demanda reprimida. Benefício: Atendimento das demandas de cada unidade, conforme planejamento estratégico, PDI, e prioridades discutidas de forma colegiada no Colégio de dirigentes (CODIR) e no Conselho Superior (CONSUP). Como: Investir recursos da Lei Orçamentária Anual (LOA); captar recursos extraorçamentários por meio de Termo de Execução Descentralizada (TED) junto ao MEC, emendas parlamentares individuais e de bancada; firmar parcerias público-privadas. Proposta: Estabelecer um programa de ação para o fortalecimento do setor de produção dos campi agrícolas, visando a melhoria das atividades do núcleo profissionalizante. Benefício: Diminuição de custo e otimização de resultados; oportunidade aos estudantes da vivência do mundo do trabalho dentro da própria formação. Como: Diagnosticar a situação de cada campus; apoiar as iniciativas propostas pelas unidades. Proposta: Promover a ampla divulgação do Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI). Benefícios: Fortalecimento do planejamento e a transparência e melhorar a comunicação com a comunidade. Como: Estabelecer estratégias para elaboração e acompanhamento do novo PDI. Proposta: Fortalecer o Plano de Distribuição Orçamentária do Instituto, alinhando-o ao Plano de Ação Anual da Reitoria, dos campi e do Centro de Referência em Formação e Educação a Distância (Cead) do IFNMG. Benefício: Execução das práticas de boa gestão, tendo em vista o atendimento equânime a cada unidade. Como: Criar uma agenda orçamentária junto aos campi e decidir, de forma coletiva, seu atendimento nos órgãos colegiados. Proposta: Desenvolver estratégias para captação de recursos, no sentido de planejar a aproximação com a comunidade com vistas a conseguir os recursos que possam contribuir para que o IFNMG cumpra integralmente a sua missão. Benefício: Estabelecimento da prática de captação de recursos, em fluxo contínuo, para garantir a realização de projetos os quais beneficiam a comunidade. Como: Implantar escritório de projetos; estabelecer convênios com instituições públicas e privadas; acompanhar as plataformas de divulgação de editais e chamadas públicas; formar grupos de trabalhos de mesma área e multidisciplinar; capacitar os servidores interessados em captar recursos para fomentar os Projetos de Ensino, Pesquisa e Extensão. Proposta: Aprimorar as políticas de gestão e organização da instituição, contemplando a sustentabilidade financeira, infraestrutura física, e toda a rede de valorização e desenvolvimento das pessoas que compõem o IFNMG. Benefício: Criação de estruturas de gestão que respeitem os princípios da transparência e responsabilidade com o patrimônio público. Como: Aperfeiçoar a prática de construção participativa do Plano de Distribuição Orçamentária (PDO), considerando a Política de Administração; fomentar o processo de informatização dos setores; implementar plano de gestão por competências; implementar os programas de segurança, saúde e qualidade de vida do servidor; acolher ideias inovadoras dos servidores em relação à proposta citada. Proposta: Aprimorar a articulação e o diálogo entre as Pró-reitorias/Diretorias Sistêmicas e Assessorias com os campi, visando a um compartilhamento das boas práticas institucionais. Benefício: Desenvolvimento de uma gestão alinhada e organizada. Como: Reunir, periodicamente, para promover ações integradoras entre os campi e a Reitoria para a reafirmação das relações institucionais. Proposta: Promover encontro de Tecnologia da Informação para pensar possíveis soluções tecnológicas para os problemas da instituição. Benefício: Fortalecimento do reconhecimento das competências internas. Como: Criar uma plataforma que possibilite a aproximação dos profissionais; reunir periodicamente; fomentar encontros de ideias inovadoras, projetos intercampi e com a Reitoria. Proposta: Aprimorar a infraestrutura tecnológica de suporte à EAD. Benefício: Garantia de suporte e inovação às ações de ensino em toda a área de abrangência do IFNMG de forma econômica e assertiva. Como: Captar recursos para implantação de estúdios de gravação audiovisual nos campi. Proposta: Incentivar a transformação digital institucional, visando à melhoria do desempenho das atividades gerenciais, finalísticas e de apoio do IFNMG. Benefício: Otimização da gestão. Como: Criar ferramentas de comunicação com a comunidade IFNMG. Proposta: Promover melhorias na segurança de processamento e armazenamento das informações institucionais. Benefício: Promoção de segurança aos usuários do IFNMG. Como: Investir em métodos de segurança. Proposta: Aprimorar as tecnologias de suporte ao Sistema Integrado de Biblioteca (SIBI), otimizando o atendimento às demandas dos servidores e discentes. Benefício: Facilidade do acesso à Biblioteca. Como: Estimular o uso do Repositório Institucional para armazenar, preservar, organizar e disseminar amplamente os resultados da produção acadêmica, artística e cultural dos Cursos FIC, Técnicos, de Graduação e de Pós-Graduação do IFNMG. Proposta: Modernizar as bibliotecas por meio de capacitação e aquisição de equipamentos e mobiliários para atendimento de demanda. Benefício: Atendimento da comunidade com qualidade e eficiência. Como: Adquirir, conforme orçamento, mobiliário e equipamentos de tecnologia para melhoria das bibliotecas; instalar autoatendimento; capacitar os servidores da biblioteca para uso dessas tecnologias. Proposta: Capacitar servidores lotados nas Bibliotecas e nas Secretarias Escolares/Acadêmicas para aprimoramento dos serviços de referência da instituição Benefício: Qualidade na recuperação e obtenção da informação e orientação na localização de fontes ou recursos de informação para dar independência ao usuário na busca pela informação. Como: Criar setores de referência nas Bibliotecas para atender a demanda de informação da instituição, melhorando o acesso à informação e sua disseminação; ofertar acesso a fontes confiáveis de informação, tanto científicas ou usuais da instituição, por meio da ruptura das barreiras tecnológicas. Proposta: Capacitar, anualmente, os servidores das Bibliotecas do IFNMG, de acordo com as demandas levantadas pela coordenação destes núcleos/setores. Benefício: Melhoria da qualidade nos serviços oferecidos aos usuários. Como: Buscar e promover distribuição mais igualitária dos recursos destinados à capacitação dos servidores, de acordo com projetos e demandas apresentadas por estes. Proposta: Convocar um representante da Biblioteca e das Secretarias Escolares/Acadêmicas para participar de decisões que envolvam o ensino, de modo geral. Benefício: Participação destes servidores em decisões que afetam, diretamente ou indiretamente, o setor/núcleo em questão, exemplos: proposições de calendários, discussões sobre Projetos Pedagógico de Curso (PPCs), abertura de novos cursos, semana de acolhimento de novos alunos, etc. Como: Orientar as Direções de Ensino dos campi quanto à necessidade de participação de, pelo menos, um servidor dos setores/núcleos vinculados/subordinados a essa direção. Proposta: Consolidar o processo de implantação do Cajuí. Benefício: Melhoria da qualidade nos serviços oferecidos aos usuários. Como: Realizar o constante desenvolvimento de ferramentas que otimizem a sua utilização e trabalho dos envolvidos. Proposta: Implantar a Certificação Digital para atender as legislações pertinentes e como a garantir. Benefício: Atendimento das legislações pertinentes; garantia da confiabilidade, autenticidade, integridade e durabilidade de todas as informações dos processos e documentos originais. Como: Desenvolver ou adquirir software completo para operações relacionadas à Certificação Digital. Proposta: Implantar o Acervo Acadêmico. Benefício: Otimização de espaço e economicidade, e melhoria do atendimento à comunidade. Como: Desenvolver ou adquirir software completo para operações relacionadas ao Acervo Acadêmico. Proposta: Aumentar a transparência. Benefício: Informação sobre a gestão do IFNMG à comunidade. Como: Criar relatórios semestrais, elaborados por pastas (Pró-reitorias, Diretorias, etc.) e criar relatório anual de atividades, comparando o que foi realizado com o que foi proposto. Proposta: Implantar sistema de videomonitoramento, com vistas a reforçar a segurança nos campi e na Reitoria. Benefício: Melhoria da estrutura de segurança. Como: Articular, junto às Direções-gerais dos campi, vigilância e patrulhamento mais intensivos nas proximidades dos prédios administrativos, de ensino, alojamentos e semimoradias. Proposta: Fortalecer a ouvidoria e a auditoria internas. Benefício: Fortalecimento dos canais de sugestões, críticas e elogios, viabilizando práticas de boa gestão. Como: Disponibilizar canais no site, telefones e redes sociais. Proposta: Descentralizar a gestão, com vistas a conferir mais autonomia administrativa e financeira aos campi, paralelamente à capacitação dos agentes envolvidos e melhoria dos processos. Benefício: Fortalecimento da cultura da gestão compartilhada. Como: Viabilizar a participação efetiva e inclusiva da comunidade acadêmica na construção e acompanhamento da proposta orçamentária. Proposta: Criar banco de especificações para a área de compras no IFNMG. Benefício: Otimização dos custos e processos. Como: Otimizar a infraestrutura existente na instituição para ampliar a atividade dos setores produtivos. Proposta: Viabilizar a descentralização orçamentária com planejamento participativo, atendendo às necessidades dos campi, com definição de ordem das prioridades, considerando o impacto na consecução das metas estabelecidas. Benefício: Otimização dos custos e processos. Como: Fortalecer as ações de compras compartilhadas, objetivando agilidade, eficiência e eficácia. Proposta: Facilitar o acesso da comunidade às reuniões colegiadas e às informações sobre a aplicação dos recursos e execução financeira, de forma transparente, publicizando, por meio do sítio eletrônico da instituição, a exposição da evolução orçamentária. Benefício: Compromisso com a transparência. Como: Criar a plataforma da transparência na página do IFNMG; transmitir as reuniões colegiadas. Proposta: Fortalecer e aprimorar o Programa de Integridade do Instituto. Benefício: Alinhamento consistente e a aderência a valores éticos, princípios e normas para garantir e priorizar os interesses públicos sobre os interesses privados no setor público. Como: Realizar campanhas e ações sistemáticas de prevenção e conservação do patrimônio público do IFNMG; promover medidas que visem à integridade como princípio da governança pública, tais como definidas no Plano de Integridade do IFNMG. Proposta: Promover estudos de viabilidade para implantação trabalho remoto no âmbito do IFNMG. Benefício: Aumento da produtividade e qualidade de vida do servidor. Como: Planejar a adoção de trabalho remoto no período pós-pandemia. Proposta: Reafirmar o compromisso disposto no Objetivo 11 - Meta 11.3 do PDI (2019/2023): Aprimorar a governança de pessoal. Benefícios: Promoção da governabilidade, de modo que a gestão esteja pautada em princípios legais, transparentes e voltados à prevenção de riscos e prestação de melhores serviços à sociedade; além da garantia de que os processos estejam nos padrões exigidos pelos órgãos superiores e de controle: Controladoria Geral da União (CGU) e Tribunal de Contas da União (TCU), dando transparência, conformidade e celeridade ao acesso à informação para toda a comunidade. Como: Alinhar a atuação dos servidores à missão, visão e valores institucionais, de modo a executarem suas atribuições de maneira transparente e íntegra, orientada para os resultados, para a cultura de desempenho e de inovação; estruturar a gestão do conhecimento organizacional; modernizar e integrar as práticas de gestão de pessoas. Proposta: Aderir ao Programa de Gestão dos Órgãos Públicos integrantes do Sistema de Pessoal Civil da Administração Federal (SIPEC), com o intuito de organizar o trabalho do IFNMG nas quatro modalidades: presencial, semipresencial, teletrabalho e por tarefa, conforme as características e especificidades de cada unidade organizacional. Benefícios: Economia de despesas para o IFNMG, aumento de produtividade do servidor, além de benefícios não quantificáveis, a citar: melhoria da qualidade de vida, motivação e satisfação dos servidores, segurança e prevenção a riscos, ganho de tempo, por não haver deslocamentos, além do diferencial competitivo com outros órgãos. Como: Realizar um estudo técnico envolvendo servidores das várias áreas do IFNMG, de modo a identificar a viabilidade da adesão ao programa de gestão e regulamentação de outras organizações de trabalho, conforme previsto na Instrução Normativa nº 01, de 31/08/2018, do Ministério da Economia, Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, a qual foi recentemente alterada pela Instrução Normativa nº 44, de 10/06/2020, do Ministério da Economia. Proposta: Fortalecer o Fórum de Dirigentes de Gestão Pessoas da Rede Federal EPCT (FORGEP). Benefícios: Trabalho em rede; uniformização de processos; garantia de tratamento isonômico aos servidores; otimização de recursos e trocas de experiências; socialização de boas práticas; padronização de processos, e, principalmente, o fortalecimento da área de gestão de pessoas junto ao MEC. Como: Apoiar as reflexões, discussões e ações de desenvolvimento da área de pessoal, estabelecidas no FORGEP, junto ao Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (CONIF). Proposta: Fortalecer a Comissão Interna de Supervisão do Plano de Carreira dos Cargos Técnico-administrativos em Educação (CIS/PCCTAE). Benefício: Reconhecimento da CIS/PCCTAE como protagonista da definição de ações para a carreira dos Técnico-administrativos em Educação (TAEs) do IFNMG. Como: Estabelecer com essas comissões uma maior proximidade com a Gestão de Pessoas, de modo que possam efetivamente acompanhar, orientar, fiscalizar e avaliar a implementação do Plano de Carreira dos TAEs. Proposta: Reconhecer e fortalecer a carreira dos Técnico-administrativos em Educação (TAEs) do IFNMG. Benefício: Valorização da carreira dos TAEs, colocando-os como protagonistas na gestão. Como: Valorizar os TAEs nomeando-os para Cargos de Direção (CD) e/ou Função Gratificada (FG), correlatos com o cargo e formação, conforme a especificidade das atribuições. Proposta: Criar a Política Institucional de Movimentação Permanente de Pessoal, com ênfase na transparência, isonomia e segurança jurídica dos processos. Benefícios: Transparência, celeridade e segurança aos processos relacionados à movimentação de servidores no âmbito da instituição. Como: Desenvolver um sistema informatizado de movimentação interna de servidores como mecanismo de oportunidade, transparência e clareza nos processos de remoção, colaboração técnica e exercício compartilhado; criar ambiente, no sítio eletrônico do IFNMG, relativo à movimentação de pessoal, o qual possa, também, proporcionar aos servidores externos, o registro de interesse em redistribuição. Proposta: Promover a valorização e formação continuada dos Núcleos Pedagógicos do IFNMG. Benefício: Fortalecimento e valorização do trabalho desenvolvidos nos Núcleos Pedagógicos. Como: Consolidar os Encontros do Ensino, estreitando os laços institucionais entre os Núcleos Pedagógicos de cada campus, objetivando, entre outros aspectos, a partilha de experiências exitosas de rotinas de acompanhamento, planejamento e assessoramento do ensino entre os campi. Proposta: Fortalecer a Comissão Permanente de Pessoal Docente (CPPD) do IFNMG. Benefício: Reconhecimento da CPPD como protagonista da definição de ações para a carreira docente. Como: Estabelecer, com essas comissões uma maior proximidade, junto à Gestão de Pessoas, de modo que possam, efetivamente, acompanhar, orientar, fiscalizar e avaliar a implementação do Plano de Carreira dos Docentes no IFNMG. Proposta: Fortalecer o Programa Institucional de Atenção à Saúde e Qualidade de Vida do Servidor (PISQVS). Benefícios: Melhoria da qualidade de vida dos servidores, motivação e satisfação; incentivo às relações interpessoais de modo a contribuir para a construção e fortalecimento da cultura e clima institucional. Como: Viabilizar recursos orçamentários e humanos para o desenvolvimento e execução de ações destinadas à melhoria da saúde e qualidade de vida dos servidores. Proposta: Ampliar e fortalecer as atividades do Subsistema Integrado de Atenção à Saúde do Servidor (SIASS). Benefícios: Fortalecimento dos serviços de saúde do servidor. Como: Estabelecer parcerias capazes de atender os servidores lotados em campus desprovido de médico. Proposta: Fortalecer a Comissão Interna de Saúde do Servidor Público (CISSP) do IFNMG, de modo a garantir a execução de ações voltadas à promoção da saúde e à humanização do trabalho do servidor. Benefícios: Melhoria das condições de trabalho, prevenção de acidentes e doenças laborais; ganho de autonomia para iniciativa e consecução de ações com impactos diretos no servidor e no desempenho de seu trabalho. Como: Implementar programa de controle, minimização e eliminação da exposição dos servidores aos riscos ambientais; apoiar e divulgar as ações das CISSPs, proporcionando autonomia dos seus membros para diagnosticar possíveis riscos. Proposta: Reafirmar o compromisso do IFNMG, estabelecido no PDI 2019/2023, de efetivar projetos e ações de capacitação, com o investimento de recursos financeiros do orçamento anual, e em parcerias com outras instituições federais de ensino e escolas de governo. Benefícios: Servidores atualizados e capacitados, a fim de desenvolver a criatividade, comprometimento, engajamento e qualidade na prestação do serviço. Como: Firmar convênios e/ou parcerias com outros órgãos e manter recursos orçamentários específicos para a capacitação de pessoal. Proposta: Elaborar e implementar o Programa de “Recepção e Integração de Novos Servidores”. Benefícios: Apresentação e fortalecimento da cultura organizacional do IFNMG ao novo servidor, de modo a promover a integração e o sentimento de pertencimento à instituição, ao cargo e ao local de trabalho. Como: Desenvolver programa de ambientação de servidores, por meio da apresentação da instituição e sua missão, visão e valores; além da oferta de cursos de iniciação ao serviço público; ofertar treinamento para desenvolvimento de atividades relacionadas ao cargo e ampliar as práticas institucionais de acolhimento e recepção a novos servidores. Proposta: Promover capacitações in company, por meio da reflexão, discussão e alinhamento das ações de desenvolvimento e valorização profissional, em um cenário de pouco ou quase nenhum recurso para investimento. Benefícios: Reconhecimento dos talentos institucionais, difusão e socialização dos conhecimentos, economia de recursos públicos e interação entre servidores. Como: Realizar capacitações internas, aproveitando a experiência dos servidores, reconhecendo os talentos do IFNMG, incentivando as boas práticas e fazendo a gestão do conhecimento. Proposta: Realizar parcerias internas entre a Gestão de Pessoas e demais unidades do IFNMG com o propósito de viabilizar a formação continuada dos servidores. Benefícios: Capacitação e treinamento; valorização dos servidores; economia de recursos; praticidade e agilidade. Como: Desenvolver ações planejadas de treinamento e capacitação em conjuntos com outras unidades da instituição, conforme a necessidade e disponibilidade dos interessados. Proposta: Implementar a gestão de risco e gestão do conhecimento, diante da criticidade dos processos tramitados na área. Benefícios: Atendimento, com agilidade e segurança, às demandas de órgãos judiciais e de controle; garantia da continuidade do trabalho e minimização de riscos. Como: Aplicar a gestão de risco e a gestão do conhecimento; realizar oficinas ministradas pelo servidor responsável pelo setor aos demais colegas da unidade e rodízios entre setores. Proposta: Desenvolver ou adquirir software completo para operações relacionadas a pagamentos de pessoal. Benefícios: Gerenciamento de informações, automatização, segurança, confiabilidade, agilidade e otimização dos processos. Como: Mapear as necessidades da Coordenação de Pagamentos de Pessoal para operacionalização das rotinas de pagamento e disponibilizar essas informações à área responsável pelo desenvolvimento do software; encaminhar demanda de aquisição ao departamento de compras e licitações, em caso de não desenvolvimento interno. Proposta: Implantar o Programa “Melhor Idade” de preparação para aposentadoria. Benefícios: Promoção do bem-estar, da saúde e da qualidade de vida dos servidores do IFNMG, mobilizando-os para o enfrentamento das vulnerabilidades decorrentes da transição para a aposentadoria e possibilitando-os experienciar uma aposentadoria bem-sucedida. Como: Apresentar aos servidores condições e meios para ter uma boa aposentadoria e saber desfrutá-la, ocupando seu tempo com atividades prazerosas e salutares. Esse programa será desenvolvido em diversos formatos, tais como palestras de conscientização, workshops, treinamentos de curta ou longa duração com as temáticas: aspectos psicossociais da aposentadoria, relacionamentos, vida social, questões sobre a vida economicamente ativa e da aposentadoria, gestão financeira, saúde, qualidade de vida e a importância do envelhecimento saudável, empreendedorismo em suas várias formas e o voluntariado, projeto de vida. Proposta: Criar canal de comunicação com servidor, aposentado e pensionista com intuito de proporcionar orientação sobre a legislação relacionada a aposentadoria e pensão, e demais informações relacionadas à área. Benefícios: Transparência, autonomia, segurança e agilidade no acesso à informação. Como: Criar um canal interativo no ambiente da Coordenadoria de Aposentadorias e Pensões (CAP), localizado no site do IFNMG, o qual disponibilize atualizações e informações relacionadas a legislação sobre aposentadoria e que permita a consulta de casos específicos. Proposta: Atualizar e aprimorar o Sistema Unificado de Administração Pública (SUAP). Benefícios: Dados atualizados, acessibilidade, indicadores, segurança da informação, acompanhamento de prazos. Como: Atribuir à área de Tecnologia da Informação (TI) a atualização, aprimoramento e manutenção do sistema. Proposta: Viabilizar a formação inicial e continuada para a docência na Educação Profissional, em conjunto com a Pró-reitoria de Ensino (PROEN). Benefício: Formação e aprimoramento de competências dos docentes. Como: Planejar e executar as atividades conforme a quantidade de servidores, podendo ser: formação presencial ou a distância; aperfeiçoamento das políticas e fortalecimento das iniciativas de formação de docentes para atender aos estudantes, inclusive àqueles com necessidades educacionais especiais, oriundas de deficiências, transtornos globais do desenvolvimento, transtornos mentais e altas habilidades/superdotação. Proposta: Viabilizar o desenvolvimento da Escola de Formação de Servidores. Benefício: Formação inicial e continuada dos servidores. Como: Planejar as atividades conforme a quantidade de servidores, podendo ser: formação presencial ou a distância. Proposta: Otimizar a Política Ambiental do IFNMG. Benefício: Redução de custos, criação de maneiras sustentáveis de utilização dos recursos naturais e materiais. Como: Criar um Plano Institucional de Sustentabilidade com implantação de usinas fotovoltaicas, sistema de captação de água, práticas de sustentabilidade, racionalização do uso de materiais nos campi e tratamento de resíduos. Proposta: Fortalecer a Comunicação como área estratégica da Reitoria. Benefício: Ampliação do diálogo, transparência e participação da comunidade IFNMG com um setor de comunicação fortalecido. Como: Proporcionar aumento da autonomia do setor, com participação e diálogo aberto e constante com a reitora. Proposta: Estruturar o setor de Comunicação do IFNMG. Benefício: Oferecimento de uma melhor qualidade de trabalho para os profissionais da Comunicação. Como: Oferecer um espaço compatível com as atividades, assim como oferecer equipamentos (câmeras, tripés, computadores, etc.); capacitar os colaboradores e analisar o aumento de pessoal, fornecendo também um programa de estágio específico para e, por fim, avaliar junto ao setor, demais necessidades para o desenvolvimento da Comunicação do IFNMG. Proposta: Ampliar e diversificar as ações e produtos de divulgação do IFNMG. Benefício: Fortalecimento da atuação do IFNMG, em diversas plataformas (redes sociais e WhatsApp), para melhorar a divulgação das peças de comunicação. Como: Criar o WhatsApp da Comunicação e investir em meios de comunicação como: outdoor, carros de som, postagens pagas nas redes sociais, etc. Proposta: Garantir a liberdade de atuação do setor de comunicação, com foco na transparência das informações divulgadas. Benefício: Maior autonomia para o setor, sem interferências de ordem pessoal, cunho político ou corporativistas. Como: Criar o termo de compromisso e responsabilidade da Reitoria em relação ao trabalho do setor de Comunicação.
  • Propostas - Ensino
    A concepção de Ensino, aqui apresentada, trata da integração entre a instrução e o aprendizado, focando, principalmente, na formação pessoal e na sensibilidade crítica. Os sentimentos que formam o homem, na perspectiva social, englobam convicções e valores. De modo que, o ensino e a aprendizagem, respeitando valores éticos, fornecem conhecimento para a formação do cidadão. A partir destes pressupostos, apresentamos as seguintes propostas: Aos submeter as propostas, algumas premissas são indeléveis: Desenvolver políticas de ensino baseadas em um sólido processo de diálogo permanente e aberto para levantamento das necessidades dos campi, com o objetivo de construção em equipe; fortalecer a discussão do respeito à educação ambiental, dando aporte aos projetos que formam cidadãos conscientes; apoiar a participação discente nas atividades acadêmicas do IFNMG, enfatizando as representações de liderança estudantil; educação de inclusão e dignidade às minorias, a partir da reorganização de ambientes acadêmicos, visando à expansão das ações de acessibilidade e ao fortalecimento da inclusão; fortalecer o diálogo em políticas de ensino do IFNMG, a partir das construções advindas dos Fóruns de Ensino institucionais; aprofundar estudos sobre as possibilidades didático-pedagógicas e de infraestrutura física para a oferta de novos cursos, em todos os níveis e modalidades de ensino, considerando os Arranjos Produtivos Locais (ALPs) e a perspectiva de itinerários formativos. Proposta: Desenvolver projetos socioambientais, por estímulo da educação ambiental. Benefícios: Contribuição para a educação ambiental, dando aporte aos projetos que formam cidadãos conscientes. Como: Sensibilizar a comunidade interna do IFNMG por meio de ações como palestras, gincanas, jogos, concursos, dentre outras; criar cursos e projetos extensionistas voltados para a conscientização ambiental. Em uma segunda etapa, expandir os projetos para comunidades externas ao IFNMG. Proposta: Revitalizar o Programa Nacional de Integração da Educação Profissional com a Educação Básica, na Modalidade de Jovens e Adultos (PROEJA) em ao menos um campus do IFNMG, em atendimento à Lei 11.892/2008. Benefício: Fortalecimento da responsabilidade social do IFNMG com a educação e o desenvolvimento local, com destaques ao acesso universal à educação. Como: Estudar os fatores de insucessos de experiências em PROEJA do próprio IFNMG e traçar ações voltadas para a mudança dessa realidade; fazer um levantamento da demanda do curso/área junto à comunidade acadêmica; ofertar um curso de capacitação em Andragogia (arte e ciência de ensinar aos adultos), por meio da educação a distância e promover ciclo de debates, palestras e/ou lives voltados para a Andragogia e para a trajetória da educação de jovens e adultos. Proposta: Ampliar a oferta de cursos para os povos do campo, em todos os níveis de ensino, com ênfase na Educação de Jovens e Adultos e considerando a pedagogia da alternância. Benefício: Diminuição do déficit de escolarização e profissionalização de jovens e adultos da sociedade na área de abrangência do IFNMG. Como: Implementar uma política de ação afirmativa que sustente a oferta de cursos, previstos no PDI 2019/2023, para os povos do campo, de modo que essa política: incentive e possibilite a participação de profissionais do IFNMG em eventos, seminários, conferências, cursos, entre outros; zele para que as propostas pedagógicas do IFNMG da área valorizem, na organização do ensino, a diversidade cultural e os processos de interação e transformação do campo; deem relevância aos aspectos da comunidade e da realidade local na elaboração das propostas pedagógicas; estabeleça diálogos com os povos do campo da região de abrangência do IFNMG. Proposta: Ampliar a oferta de cursos de Licenciaturas e de formação de docentes para Educação Básica, conforme planejado no PDI 2019/2023 e preconizado pela Lei 11.892/2008. Benefício: Oferta de formação docente, contribuindo para avanços na educação regional. Como: Criar cursos de Licenciatura como determinado na lei 11.892/2008, conforme disponibilidade de códigos de vagas oriundos do Governo Federal. Proposta: Incentivar a cultura empreendedora. Benefícios: Preparação dos discentes para gestão de seus negócios, carreiras e empreendedorismo social. Como: Preparar nossos discentes para o empreendedorismo, criando uma disciplina transversal para todos os cursos que explicará a economia regional; estudar empreendedores de sucesso e fracassos; preparar o discente para organização financeira e planejamento estratégico de ações empreendedoras. Para isso, o corpo docente do IFNMG em parcerias estratégicas como a Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (FIEMG), o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE) e atores sociais que, a partir de ações empreendedoras, transformarão a realidade econômica em regiões de vulnerabilidade social. Proposta: Estimular a criação de objetos educacionais digitais para auxiliar nas atividades pedagógicas dos cursos do IFNMG. Benefício: Facilitação do processo de ensino e aprendizagem. Como: Firmar parcerias para a oferta de cursos de criação de objetos educacionais digitais, a exemplo do Giz/UFMG e, de servidores da nossa instituição, que possuem habilidade e conhecimento para esse desenvolvimento; possibilitar a divulgação de objetos educacionais criados por servidores do IFNMG. Proposta: Impulsionar a produção audiovisual de conteúdos relacionados ao Ensino, Pesquisa e Extensão. Benefício: Maior visibilidade para o IFNMG. Como: Implantar projetos voltados para essa finalidade. Proposta: Estimular a utilização e o desenvolvimento de metodologias ativas de ensino, tendo como foco principal o ensino híbrido. Benefício: Inovação no modelo tradicional de ensino, maior autonomia para o discente, aprendizagem colaborativa e diminuição da evasão escolar. Como: Desenvolver projetos interdisciplinares; implementar observatórios de ensino; criar grupos de estudos; organizar ciclo de palestras; captar recursos para implantação de estúdios de gravação audiovisual nos campi do IFNMG; garantir a parceria do IFNMG com a UFMG por meio do Congresso Interinstitucional de Inovação e Metodologias no Ensino Superior e Tecnológico. Proposta: Ampliar e aprimorar o acompanhamento pedagógico e as ações de inclusão. Benefício: Melhoria da qualidade das práticas educativas desenvolvidas. Como: Fortalecer a Assessoria Pedagógica, os Núcleos Pedagógicos, os Núcleo de Atendimento às Pessoas com Necessidades Específicas (NAPNE) e o Núcleo de Ações Inclusivas (NAI) e as Coordenações de Cursos, na perspectiva da autonomia e da responsabilidade técnica; fortalecer o AEE para alunos surdos, efetivando as ações de inclusão; ofertar cursos de formação e capacitação e fortalecer as relações institucionais entre o IFNMG, as redes públicas de ensino estadual e municipal e as representações da sociedade civil organizada, com vistas a estabelecer convênios e realizar ações conjuntas. Proposta: Fomentar e promover ações de natureza sistêmica, no âmbito do Ensino, Pesquisa e Extensão, que promovam a difusão, valorização e consolidação de ações relativas aos estudos afro-brasileiros e étnico raciais. Benefício: Fortalecimento do Núcleo de Estudos, Pesquisas e Extensão Afro-Brasileiros e Indígenas (NEABI) e melhoria da qualidade das práticas educativas desenvolvidas. Como: Fortalecer o NEABI; promover o cumprimento efetivo das Leis 10.639/2003 e a Lei 11.645/2008 e dos demais instrumentos legais correlatos. Proposta: Ampliar e aprimorar a organização das Jornadas Pedagógicas com vistas a atender às demandas dos servidores frente ao ensino. Benefício: Melhoria da qualidade das práticas educativas desenvolvidas. Como: Fortalecer a Assessoria Pedagógica, os Núcleos Pedagógicos e as Coordenações de Cursos, na perspectiva do planejamento conjunto das ações. Proposta: Ampliar, gradativamente, o atendimento ininterrupto à comunidade escolar do IFNMG. Benefício: Melhoria do atendimento prestado, aumento da qualidade de vida dos servidores. Como: Promover estudos acerca da flexibilização responsável da carga horária de trabalho dos servidores que atuam com atendimento ao público e/ou da implantação gradual do trabalho remoto; criar o aplicativo “Fale com o IFNMG” para facilitar a comunicação da comunidade acadêmica com o campus. Proposta: Institucionalizar a Educação a Distância no IFNMG intensificando asocialização do papel e atribuições do Centro de Referência em Formação e Educação a Distância (Cead) em relação aos campi do IFNMG. Benefício: Fortalecimento da relação entre campus e Cead, melhorando, assim, a assistência e suportes oferecidos. Como: Intensificar a comunicação com a comunidade interna com reuniões online, videoconferências, capacitações; desenvolver um fórum de debate permanente com ênfase na EaD. Proposta: Primar pela qualidade dos cursos a distância. Benefício: Aumento do índices de permanência e êxito nos cursos ofertados. Como: Implantar um programa permanente para atuação na EAD, o qual estimule as metodologias inovadoras, práticas com foco na resolução de problemas e aperfeiçoamento dos processos seletivos; aprimorar a infraestrutura do estúdio do Cead e do suporte tecnológico à EAD; melhorar a estrutura física dos Polos de Apoio Presencial e da oferta responsável de cursos; Proposta: Estimular a oferta de cursos voltados para a Educação Quilombola e Indígena. Benefício: Oportunidade, aos povos de remanescência quilombola e indígena, em territórios da área de abrangência do IFNMG, de escolarização e da profissionalização, de maneira a preservar seus saberes, modo de vida próprios, preservando, assim a cultura e a diversidade. Como: Estabelecer diálogos com os povos indígenas e quilombolas, para saber o que a comunidade quer e necessita no processo formativo e o que o IFNMG pode oferecer além das ofertas já previstas; capacitar educadores para trabalhar com essa realidade. Proposta: Estimular a Curricularização da Extensão nos cursos superiores e técnicos do IFNMG. Benefício: Promoção da interdisciplinaridade entre Ensino e Extensão, ressignificando o aprendizado a partir da experiência concreta, bem como estabelecimento de melhorias na comunidade externa em área de abrangência do IFNMG. Como: Fomentar cursos, palestras e capacitações acerca da Regulamentação da Curricularização da Extensão no IFNMG, bem como das formas e possibilidades de implementação. Proposta: Ampliar e ressignificar o Programa de Monitoria como um instrumento de enfrentamento da retenção e da evasão. Benefício: Melhoria da qualidade do ensino ao incentivar o enriquecimento da vida acadêmica por meio da participação dos discentes na execução de Projetos de Ensino e na vida acadêmica e, consequentemente, diminuição dos índices de retenção e evasão escolar. Como: Captar recursos para ampliar o número de bolsas monitoria; reconhecer e sensibilizar os docentes e discentes para que legitimem a monitoria como ferramenta de melhoria do ensino-aprendizagem; reformular e atualizar o Programa Monitoria de modo que possibilite: a) Monitoria Voluntária: sem receber bolsa, fazendo jus a um certificado de Monitoria Voluntária; b) Monitoria on-line: a distância, por meio da qual os monitores fazem mediações nos processos pedagógicos e tecnológicos, utilizados pelos docentes nas situações de ensino remoto, educação a distância, híbrida e também a presencial, criando condições para o aprofundamento teórico e para o desenvolvimento de habilidades relacionadas à atividade docente; c) Monitoria de Grupo: de modo que o monitor atue como coordenador de grupo de estudos; d) participação de monitores em eventos internos e externos para exposição/apresentação oral ou escrita de relatos de experiência sobre a atuação na monitoria. Proposta: Promover a criação do programa “Observatório do Mundo do Estudante” ou instância correlata, com apoio dos grupos de pesquisa em educação. Benefício: Aprimoramento das políticas institucionais de inclusão, permanência e êxito. Como: Compreender todas as nuances presentes na comunidade estudantil; estimular o crescimento da produção científica, convidando a comunidade acadêmica para apresentar projetos de estudos e pesquisas na área de educação. Proposta: Construir a Política de Cooperação Nacional e Internacionalização do IFNMG. Benefício: Consolidação e fortalecimento das ações concernentes à internacionalização do IFNMG. Como: Promover a revisão ou construção de regulamentos com vistas a fomentar a política de internacionalização; ampliar as parcerias com instituições internacionais para construção de novos conhecimentos e troca de experiências de docentes, técnico-administrativos e discentes, promovendo mobilidade acadêmica; aprimorar as ações de intercâmbio com pesquisadores de outros países, visando agregar experiências, conhecimentos e a construção conjunta de currículos. Esta proposta está aliada às ações do Centro de Línguas (CELIN). Proposta: Fortalecer os projetos da área do Ensino do IFNMG. Benefício: Consolidação das ações concernentes ao cadastro dos Projetos de Ensino. Como: Apoiar e aprimorar as ações relacionadas à execução dos Projetos de Ensino como espaço de itinerário formativo diferenciado. Proposta: Consolidar os Cursos Técnicos de Nível Médio, de Graduação e Pós-graduação. Benefício: Fortalecimento dos cursos a fim de atender às demandas dos docentes, discentes e técnicos, com vistas à promoção da qualidade do ensino. Como: Ampliar e aprimorar o acompanhamento pedagógico e as ações de inclusão; promover cursos de formação continuada para os servidores; melhorar continuamente os processos de assistência estudantil; avaliar carga horária dos cursos visando promover ensino humanizado para o que o docente e ou técnico-administrativo consigam atuar em Projetos de Ensino, Pesquisa e Extensão e que possam atender, também, ao discente, oportunizando outros tempos e espaços de aprendizagem; apoiar as formas democráticas de escolha de Coordenadores de Curso. Proposta: Consolidar a cultura de avaliação no IFNMG, por meio da utilização dos resultados de avaliações internas e externas como ferramentas de gestão. Benefício: Promoção de práticas de avaliação internas e externas como instrumentos para subsidiar os macroprocessos institucionais. Como: Utilizar as práticas de avaliação internas e externas como instrumentos para fortalecer o apoio às atividades da Comissão Própria de Avaliação (CPA); ampliar a avaliação aos cursos técnicos concomitantes/subsequentes e os integrados. Proposta: Mediar, por meio do suporte pedagógico, a relação professor-aluno no processo de ensino e aprendizagem. Benefício: Convivência entre docente e discente numa relação mais harmoniosa, mitigando assim os índices de retenção e de evasão. Como: Oportunizar a discentes e docentes a participação em eventos específicos, grupos de discussão, atividades que facilitem o diálogo, conhecimento de diferentes metodologias pedagógicas e aproximação entre o ensino e aprendizagem. Proposta: Implantar/implementar o Centro de Línguas (CELIN) em todos os campi. Benefício: Oportunidade à comunidade o acesso a cursos de Língua Portuguesa, Literatura, Escrita Científica, Libras e Línguas Estrangeiras. Como: Promover práticas que contribuam para fortalecer os CELINs nos campi, com investimento em espaço físico e recursos pedagógicos.
  • Propostas - Estudantes
    Proposta: Implantar projetos de diálogo com os discentes, rodas de conversa, em todos os campi do IFNMG. Benefício: Fortalecimento dos espaços nos quais a voz dos discentes seja ouvida, valorizando a saúde mental e o empoderamento estudantil. Como: Criar um programa que tenha como objetivo: compor as atividades concernentes à assistência estudantil dos campi, voltado para o acolhimento e escuta dos temas mais recorrentes na vida dos discentes, visando aperfeiçoar as políticas para os estudantes; promover e garantir euniões entre discentes, a Reitora, equipe da Assistência Estudantil e a equipe da Diretoria de Assuntos Estudantis e Comunitários (DAEC) e Núcleos de Assuntos Estudantis e Comunitários (NAECs), a fim de promover maior interação para que o discente compreenda o funcionamento da estrutura do IFNMG. Proposta: Fomentar ações para aperfeiçoamento do processo de recepção e acolhimento dos discentes. Benefício: Desenvolvimento do sentimento de pertencimento ao IFNMG, bem como garantir acesso às informações acerca do funcionamento e dos regulamentos do IFNMG. Como: Articular, com as Direções-gerais dos campi e o Centro de Referência em Formação e Educação a Distância do IFNMG, a promoção de atividades de acolhimento aos discentes, no início de cada semestre, apresentando a estrutura de gestão da instituição, os programas acadêmicos e as ações de Assistência Estudantil. Proposta: Adotar políticas que visem à permanência do discente na instituição, combatendo a retenção e a evasão escolar. Benefício: Permanência do discente, com qualidade de desempenho acadêmico, no IFNMG. Como: Consolidar e aprimorar o Plano de Permanência e Êxito – PPE; fortalecer o programa de Assistência Estudantil por meio do auxílio-moradia ou residência estudantil, bolsa permanência, bolsa de auxílio para os estudos e/ou transporte; estudar o desenvolvimento de uma política alimentar que contemple todo o IFNMG. Proposta: Consolidar e ampliar políticas de inclusão, cotas e outras ações afirmativas, garantindo o acolhimento e acompanhamento das demandas dos discentes, beneficiários do sistema de cotas para negros, indígenas e egressos de escolas públicas. Benefício: Garantia da permanência e do êxito dos estudantes beneficiários do sistema de cotas, por meio do acompanhamento, Como: Planejar e desenvolver ações com as representações estudantis, o Núcleo Pedagógico e o serviço de Assistência Social dos campi e NEABIs. Proposta: Fomentar a representação estudantil junto às instâncias de decisão do IFNMG, propiciando, aos movimentos estudantis (Grêmio Estudantil, Diretório Acadêmico e Centros Acadêmicos), condições funcionais de infraestrutura. Benefício: Fortalecimento da representação estudantil junto às instâncias de decisão do IFNMG. Como: Respeitar a livre organização dos discentes e fomentar diálogos constantes com a comunidade acadêmica, buscando a articulação com Grêmios Estudantis, os Diretórios Acadêmicos (DAs), Centros Acadêmicos (CAs), e Associações Atléticas. Proposta: Integrar sistemas que compõem os processos da Assistência Estudantil (seleção, monitoramento e execução financeira). Benefício: Aprimoramento da análise dos processos de Assistência Estudantil. Como: Desenvolver plataforma digital para organização dos processos de Assistência Estudantil. Proposta: Implantar um Programa de prevenção e combate ao bullying. Benefício: Garantia do bem-estar de todos os servidores e, especialmente, dos discentes no ambiente escolar. Como: Promover atividades multidisciplinares planejadas com as equipes pedagógica e psicológica que forneçam suporte aos discentes com vistas ao combate e prevenção de tais práticas. Proposta: Implantar um sistema de informação para levantamento do perfil dos discentes ingressantes nos cursos oferecidos pela instituição, de modo a sistematizar dados que serão úteis no delineamento de políticas institucionais. Benefício: Aprimoramento das políticas institucionais de inclusão, permanência e êxito. Como: Criar um questionário eletrônico para ser respondido pelo discente ou responsável, no ato da matrícula. Proposta: Fortalecer as políticas de acessibilidade e ações afirmativas, contemplando discentes com deficiências, transtornos globais do desenvolvimento e altas habilidades/superdotação. Benefícios: Consolidação e fortalecimento dos NAPNEs e setores correlatos. Como: Realizar ações que visem à eliminação das barreiras de natureza urbanística, arquitetônica, ergonômica, de comunicação, pedagógica, instrumental, legal (políticas) e atitudinal para ao pleno desenvolvimento acadêmico e humanístico desses estudantes. Proposta: Promover ações, que tenham como objetivo, estreitar as relações de estágio entre campus, discentes e parceiros. Benefício: Ampliação das oportunidades de estágio. Como: Criar um banco de oportunidades de estágio em cada campus do IFNMG. Propostas: Fomentar ações para fortalecimento das moradias estudantis e implantação de moradia estudantil nos campi que ainda não a possuem; fomentar ações para implantação da moradia feminina. Benefício: Possibilidade de moradia para mais alunos e alunas, contribuindo para a permanência destes nos cursos matriculados. Como: Criar oficinas e seminários para análises e planejamento da implantação da moradia estudantil. Proposta: Valorizar o esporte como prática aliada à formação integral. Benefício: Aumento da prática de esportes, e atividades físicas, a fim de contribuir para a qualidade de vida dos discentes, seu desempenho acadêmico e saúde mental. Como: Organizar eventos como JIFENMG; criar organizações coletivas atléticas; construir quadras e ginásios poliesportivos, com o objetivo de promover o acesso de todos os discentes ao esporte, inclusive os discentes dos cursos superiores. Proposta: Incentivar a criação das Associações Atléticas dos cursos superiores do IFNMG. Benefícios: Esporte como ferramenta de interação entre os campi, assim como oportunidade aos discentes da graduação mais um elemento cultural em sua formação física, emocional e social. Como: Criar as olimpíadas dos estudantes da graduação. Proposta: Fundamentar ações para a garantia dos direitos humanos relativos aos valores da justiça, liberdade, solidariedade, igualdade. Benefícios: Combate ao preconceito e à intolerância, garantindo os direitos dos grupos socialmente minoritários, tais como mulheres, negros, indígenas e LGBTQIA+. Como: Criar Programa de prevenção e combate ao bullying, racismo, homofobia e todas as formas de discriminação. Proposta: Garantir as discussões das questões de gênero, sexo e sexualidade. Benefícios: Ratificação do compromisso pela diversidade e respeito aos direitos humanos, garantindo assim, o bem-estar e a segurança de todos. Como: Fomentar ações e eventos os quais oportunizem a discussão e o conhecimento científico (sociologia, biologia, história); estimular a troca de práticas exitosas entre os campi; criar regulamentos que garantam a inibição de práticas de preconceito e bullying.
  • Propostas - Pesquisa
    A pesquisa pode ser compreendida por duas óticas: uma visão orientada ao objetivo de encontrar soluções socialmente significativas, como produção de tecnologias, o que contribui para o desenvolvimento econômico e, por outra visão, para geração de novos conhecimentos em todas as áreas, formando pessoas e contribuindo para o desenvolvimento social, econômico e cultural. Premissas: Avaliar as políticas de gestão da Pesquisa que o IFNMG pratica, sugerir melhorias e otimizar instrumentos; harmonia com os campi: desenvolver Políticas de Pesquisa as quais valorizem as atividades produzidas nos campi contribuindo assim para uma maior aproximação entre todas as unidades e a Reitoria. Proposta: Incentivar a participação de servidores em publicações de Revistas Científicas e desenvolvimento de Linhas e Grupos de pesquisa. Benefício: Fortalecimento do suporte e divulgação científica no IFNMG. Como: Criar fórum dos editores de revistas e coordenadores de grupos de pesquisas do IFNMG. Proposta: Expandir o repositório do IFNMG. Benefício: Publicização dos trabalhos desenvolvidos no IFNMG. Como: Construir um banco digital de acesso para todos trabalhos (Iniciação Científica, Projetos de Extensão, Trabalhos de Conclusão de Curso, Artigos, Dissertações, dentre outros). Proposta: Estruturar a cartilha de criação de revistas científica. Benefício: Garantia do crescimento dos periódicos do IFNMG. Como: Criar fórum dos editores de revistas e coordenadores de grupos de pesquisas do IFNMG. Proposta: Fomentar programa de apoio à participação de servidores e discentes em eventos científicos. Benefícios: Garantia do desenvolvimento e da consolidação da Pesquisa no IFNMG. Como: Ratificar a organização orçamentária, fortalecimento de parcerias com agentes de incentivo: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (FAPEMIG), Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), dentre outros, e busca por novas parcerias. Proposta: Criar a vitrine das pesquisas do IFNMG. Benefícios: Divulgação da Pesquisa, permitindo o reconhecimento social e a publicidade para possíveis parceiros. Como: Divulgar, em sítio eletrônico, e enviar, por meio de mailing, para potenciais interessados. Proposta: Fomentar projetos multidisciplinares de Pesquisa entre campi. Benefícios: Fortalecimento da identidade científica do IFNMG, respeitando as características próprias, buscando sempre a ajuda mútua e o trabalho em equipe. Como: Criar um edital de pesquisa específico para este fim. Firmar parcerias com Arranjos Produtivos Locais (ALPs). Proposta: Introduzir a Taxa de Bancada nos Projetos de Pesquisa do IFNMG. Benefício: Possibilidade, aos coordenadores de pesquisas, de maior flexibilidade na gestão dos projetos para uso de recursos em diárias, passagens, inscrições em congressos e concursos, aquisição de livros e equipamentos, dentre outros. Como: Reformular o regulamento de bolsas relacionadas à Pesquisa do IFNMG. Proposta: Ampliar e fortalecer programas de apoio à realização de cursos de Pós-graduação stricto sensu - Mestrado e Doutorado Interinstitucionais: Minter e Dinter. Benefícios: Qualificação dos servidores. Como: Firmar parcerias com universidades e centros de pesquisas. Proposta: Fortalecer o Programa de Bolsas para Qualificação de Servidores (PBQS). Benefício: Maior qualificação dos servidores. Como: Aprimorar as políticas de organização financeira para ampliar a oferta de bolsas PBQS e articulação de parcerias com universidades e centros de pesquisas. Proposta: Promover a iniciação científica como etapa formativa do discente. Benefícios: Entendimento de que a pesquisa é também um processo de ensino, o qual fomenta nos discentes a capacidade criativa e investigativa. Como: Aprimorar as políticas de Pesquisa para que estejam integradas ao Ensino e à Extensão. Proposta: Criar programas de Pós-graduação Benefício: Maior oferta de oportunidades de formação continuada na área de abrangência do IFNMG. Como: Criar programas no modelo multicampi e fortalecer o Cead. Proposta: Fomentar eventos de Pesquisa (SIC e Pós-graduação). Benefício: Estímulo aos mecanismos de divulgação e troca de experiências na área da pesquisa. Como: Incentivar, a partir do diálogo e da integração das políticas de incentivo, a participação em eventos do IFNMG. Proposta: Fomentar pesquisas de apoio à inclusão (indígenas, quilombolas, deficientes, etc.). Benefício: Construção do conhecimento científico acerca de práticas pedagógicas inclusivas, territorialidades, arranjos sociais, alteridades e objetos culturais. A partir dessas pesquisas, maior promoção da aprendizagem baseada na equidade, e a preservação da memória cultural e histórica, na área de abrangência do IFNMG. Como: Definir editais próprios para esse fim e fomentar a inscrição em editais externos. Proposta: Estruturação de laboratórios. Benefício: Execução de pesquisas com mais qualidade e dignidade para servidores e discentes usuários desses espaços. Como: Levantar a demanda de cada campus, além do que está expresso no PDI; criar um planejamento estratégico o qual seja capaz de atender a todos os campi. Proposta: Fortalecer as empresas juniores e estimular a criação de Spin-offs. Benefício: Incentivo à cultura do empreendedorismo de base tecnológica no IFNMG. Como: Criar plano de incentivo às atividades empreendedoras como: Laboratório MAKER de prototipagem – multidisciplinar, dentre outros. Proposta: Compartilhar laboratórios para fins de desenvolvimento de inovação, desde que não atrapalhe as atividades fins. Benefícios: Possibilidade de troca de experiências e aumento das possibilidades de receitas para fins de custeio dos próprios laboratórios. Como: Viabilizar e incentivar estímulos ao desenvolvimento científico, à pesquisa, à capacitação científica e tecnológica e á inovação, por meio da Lei 13.243/16. Proposta: Estudar a possibilidade de implantação de equipamentos de incentivo à inovação (Incubadoras, Aceleradoras, Parques Tecnológicos). Benefício: Promoção do desenvolvimento local a partir da criação de empresas e do know-how do IFNMG. Como: Estruturar um amplo estudo de viabilidade técnica, econômico-financeira e ambiental. Proposta: Fortalecer a parceria técnica com o setor privado. Benefícios: Fortalecimento da relação com os APLs regionais, contribuindo para o desenvolvimento local. Como: Atender à Lei da Inovação e a Lei do Marco legal da Inovação permitem ao docente com Dedicação Exclusiva (DE) parcerias com empresas. A Lei 13.243 aumenta o número de horas que o docente com DE pode dedicar a atividades fora do IFNMG, de 120 horas para 416 horas anuais, e a FADETEC auxiliará na gestão destes projetos de consultoria. Proposta: Fortalecimento do Núcleo de Inovação Tecnológica. Benefícios: Estabelecimento da cultura da gestão da propriedade intelectual no IFNMG, em alinhamento com as universidades de referência. Como: Criar uma política atualizada de gestão da propriedade intelectual, assim como políticas de fortalecimento da relação entre universidade e empresas, e da transferência de tecnologia. Proposta: Fomentar a transferência de tecnologia por meio da divulgação das tecnologias geradas no IFNMG. Benefício: De acordo com nível de desenvolvimento das pesquisas, verificação de quais delas podem servir de plataforma para uma relação universidade-empresa. Como: Criar ferramentas para estreitamento da relação com o setor privado, tornar a comunidade mais próxima ao IFNMG.
  • Propostas - Extensão
    As propostas apresentadas neste Plano de Gestão prezam pela responsabilidade social. Em termos práticos, implica em manter uma interação com a comunidade na qual estamos inseridos, o que objetiva construir uma ligação permanente com a sociedade, a qual ultrapasse o âmbito do IFNMG, sendo a instituição aberta ao público externo. O objetivo das atividades de Extensão é a troca de conhecimentos. Além de levar os conceitos e aprendizados desenvolvidos, no ambiente acadêmico, à comunidade externa, a instituição e, consequentemente, os alunos que participam desse tipo de atividade, aprendem as necessidades, anseios, aspirações e saberes da comunidade, socializando e democratizando o conhecimento. Proposta: Fortalecer a Arte e a Cultura, por meio da transformação da PROEX em Pró-reitoria de Extensão e Cultura (PROEXC). Benefício: Consolidação e valorização das ações de Arte e Cultura no IFNMG para que possam contribuir para a formação integral dos discentes. Como: Criar a Pró-reitoria de Extensão e Cultura. Proposta: Criar o Festival de Arte e Cultura do IFNMG. Benefícios: Valorização da arte e da cultura das regiões de abrangência do IFNMG e promoção do desenvolvimento de atividades diversificadas, as quais valorizem as habilidades de todos os discentes e servidores, a partir da compreensão das múltiplas inteligências. Como: Estabelecer uma articulação coletiva, por meio de um evento itinerante, da qual participam a PROEXC e as Diretorias/Coordenações/Coordenadorias de Extensão, a DAEC e os NAECs, os campi e demais coordenadores de Projetos de Extensão nas áreas culturais. Durante dois dias, os participantes assistirão e participarão de peças teatrais, desfile de moda, exposição de quadros, apresentações de música e de dança, além de participações em oficinas. Artistas da região também se apresentarão, mostrando tradições locais. Proposta: Promover a interação dialógica, por meio do desenvolvimento de relações entre IFNMG e setores sociais, marcada pelo diálogo e troca de saberes com movimentos, setores e organizações sociais. Benefício: Estabelecimento de uma relação dialógica e próxima com a comunidade local. Como: Promover reuniões, visitas às comunidades e parcerias com sindicatos, associações e demais lideranças. Proposta: Estimular e fomentar a articulação interseccional entre diferentes marcadores sociais de diferença (como raça/etnia, gênero, sexualidade, geração, região/território, classe), em consonância com os eixos temáticos propostos pela Política Nacional de Extensão. Benefícios: Promoção de programas/projetos e serviços que promovam a discussão no âmbito do IFNMG. Como: Realizar seminários, congressos e mesas redondas; reunir com as lideranças locais. Proposta: Desenvolver ações para realização de cursos FIC. Benefício: Atendimento à demanda da comunidade por intermédio de cursos FIC, os quais proporcionem o atendimento das APLs. Como: Regulamentar os cursos FIC; cadastrar as demandas por meio do Portfólio de Oportunidades e outras, diretamente vinculadas à comunidade externa. Proposta: Propiciar as ações de integração com a comunidade externa Benefício: Identificação das reais demandas da comunidade, por meio do Portfólio de Oportunidades, e direcioná-las para os grupos de soluções tecnológicas que, por meio do diálogo com a comunidade, proporá soluções viáveis; desenvolvimento de projetos colaborativos e mais oportunidades de estágios e treinamentos. Como: Realizar reuniões com entidades de representação, empresas, líderes comunitários e demais lideranças. Proposta: Incentivar e propor a realização de Cursos de Capacitação e Aperfeiçoamento. Benefícios: Capacitação e aprimoramento das ações de Extensão. Como: Firmar parcerias; aumentar recurso de capacitação; propor cursos que promovam o aperfeiçoamento dos servidores envolvidos em ações de Extensão. Proposta: Fortalecer o Programa Institucional de Bolsas de Extensão (PIBED). Benefícios: Racionalização das ações de apoio à Extensão; estímulo ao desenvolvimento social e o espírito crítico dos discentes e servidores, bem como a atuação profissional pautada na cidadania e na função social da educação. Como: Criar o prêmio Jovem Extensionista e, com isso, propiciar maior engajamento dos discentes nos Projetos de Extensão. Proposta: Promover formação continuada dos servidores para trabalhar junto à FADETEC, especialmente sobre a possibilidade de captação de recursos e execução. Benefícios: Desenvolvimento de Projetos de Extensão, em conjunto com a fundação de apoio credenciada ao IFNMG. Como: Reuniões com a FADETEC, capacitação sobre fundações, reuniões com a Pró-Reitoria de Administração (PROAD) do IFNMG. Proposta: Implantar a Política de Educação do Campo do IFNMG, visando as estratégias e de programas de atuação conjunta dos campi agrícolas no Ensino, na Pesquisa e na Extensão. Benefício: Fortalecimento das ações de Educação do Campo; ampliação do diálogo com os movimentos sociais do campo; estreitamento do diálogo com as Escolas Famílias Agrícolas, as quais são referências em ensino no campo, e têm a Pedagogia da Alternância como princípio educativo. Como: Capacitar servidores; realizar eventos para discussão na Reitoria e nos campi; criar um projeto de Demanda Induzida, direcionado à Educação do Campo, para garantir a participação de discentes bolsistas e, assim, o fortalecimento das ações. Proposta: Promover atividades voltadas às temáticas que envolvam os Direitos Humanos e o público LGBTQIA+. Benefício: Fortalecimento do respeito e disseminação da cultura da igualdade e combate ao preconceito. Como: Criar grupos de apoio e discussão que abordem a temática, assim como ressaltar o respeito à igualdade e os direitos LGBTQIA+. Proposta: Incentivar a participação da comunidade acadêmica nos editais de Extensão de agências governamentais e não governamentais. Benefício: Possibilidade de desenvolvimento de projetos; captação de recursos externos. A participação do IFNMG nesses editais projeta a instituição e possibilita aos extensionistas a formação e crescimento profissional. Como: Prospectar editais e enviá-los aos diretores/coordenadores de Extensão para apresentação nos campi. Promover orientação da PROEXC, junto aos diretores/coordenadores, para auxílio na submissão dos projetos. Proposta: Fortalecer as áreas estratégicas de atuação do IFNMG, junto à sociedade, por meio do fomento de práticas extensionistas. Benefício: Ampliação da atuação do IFNMG junto à comunidade; ampliação das ações de formação para os gestores de extensão e os extensionistas, a fim de subsidiar boas práticas de gestão das políticas de extensão do IFNMG. Como: Direcionar recursos para Projetos de Extensão. Proposta: Fortalecer os jogos intercampi (JIFENMG) e demais atividades desportivas. Benefício: Promoção da formação humana pela prática esportiva; valorização do caráter educativo e socializador por meio do esporte; respeito ao coletivo e às diferenças, criando a oportunidade de demonstrar o aprendizado esportivo adquirido nas atividades promovidas pela área de Educação Física; integração social e cultural dos participantes, fortalecendo o vínculo entre os campi. Como: Promover eventos esportivos locais e o JIFENMG. Proposta: Estruturar a PROEXC para implementação do Programa de Acompanhamento dos Egressos. Benefício: Mediação, recolhimento e disponibilização das informações para identificar as experiências profissionais que configuram as trajetórias deste público; investigação de como eles estão inseridos no mundo do trabalho e quais as práticas educativas relevantes para a formação como profissionais; direcionamento e organização de ações que promovam uma formação mais próximas das demandas do mercado de trabalho a partir dos dados obtidos. Como: Criar plataforma e um aplicativo para acompanhamento dos egressos. Proposta: Incentivar a cultura empreendedora. Benefício: Estabelecimento da cultura empreendedora em parceria com a Pesquisa. Como: Fomentar o desenvolvimento de novos empreendedores, sintonizados com as novas tendências mundiais, avaliando a situação do emprego e identificando oportunidades para aplicar os conhecimentos de forma criativa, gerando empreendimentos de alta importância e relevância para a sociedade. Proposta: Fortalecer o processo de curricularização da Extensão nos cursos técnicos e superiores do IFNMG. Benefício: Promoção da interdisciplinaridade entre Ensino e Extensão e contribuir para a formação dos discentes. Como: Promover cursos, palestras e capacitações acerca da Regulamentação da Curricularização da Extensão no IFNMG, bem como das formas e possibilidades de implementação; garantir a reformulação dinâmica dos PPCs. Proposta: Ampliar o diálogo com a comunidade, por intermédio das redes sociais, reuniões por videoconferência e da criação do aplicativo “Fale com o IFNMG”. Benefícios: Maior comunicação e o repasse de informações do IFNMG. Como: Criar ferramentas, redes sociais, podcasts específicos, dentre outros; divulgar a ouvidoria do IFNMG. Proposta: Integrar as políticas de Ensino, Pesquisa, Inovação e Extensão via planejamento participativo e democrático. Benefício: Fortalecimento da tríade (Ensino, Pesquisa e Extensão). Como: Construir regulamentos e editais para apoio aos projetos. Proposta: Fomentar o desenvolvimento de tecnologias verdes e sociais para aumentar a capacidade técnica das comunidades tradicionais a partir da economia cooperativada. Benefício: Contribuição para o desenvolvimento social, econômico e sustentável. Como: Fortalecer o projeto de Sustentabilidade Ambiental, já desenvolvido pela PROEX. Proposta: Incentivar a elaboração e a publicação de material didático e de comunicação institucional o qual contemple a diversidade humana presente na sociedade brasileira. Benefício: Fortalecimento da identidade do IFNMG com ações ligadas ao respeito à diversidade. Como: Criar editais e proporcionar recursos específicos, pelos quais será possível à comunidade IFNMG, ampla participação na elaboração de materiais. Proposta: Fortalecer a participação da comunidade nos núcleos de apoio à inclusão do IFNMG, a exemplo dos NEABIs, NACs, NEPGS, NAIs e dos NAPNEs. Benefício: Contribuição para o desenvolvimento da comunidade regional de forma respeitosa quanto à importância da inclusão. Como: Realizar estudos e eventos para esclarecimento da comunidade institucional e da sociedade, bem como para o enfrentamento do racismo e de outras formas de exclusão e discriminação. Proposta: Implantar o Observatório da Educação Profissional, Científica e Tecnológica, a fim de fortalecer os diálogos com os arranjos produtivos, sociais e culturais, locais e regionais. Benefício: Acompanhamento e compreensão do processo de formação discente no cenário da educação profissional e tecnológica. Como: Organizar projetos que contemplem as necessidades de cada campus; estudar e reconhecer as raízes sociais, históricas, econômicas, linguísticas, bem como os valores e práticas culturais dos discentes, por meio oficinas. Proposta: Incentivar a criação de uma rede para o desenvolvimento de tecnologias educacionais e objetos de aprendizagem, articulados aos processos de Ensino, Pesquisa, Inovação e Extensão. Benefício: Criação e disponibilização de mecanismos que facilitem o trabalho e incentivem o processo de ensino e aprendizado no IFNMG. Como: Realizar Benchmarking com outras entidades de ensino, assim como criar grupos de discussão no próprio IFNMG. Proposta: Fortalecer a Semana Integrada de Extensão. Benefício: Avaliação, democratização e propagação do conhecimento acadêmico. Como: Publicizar o conhecimento acadêmico, por meio da Revista Reinos, Contação e Portal do IFNMG; publicar em cartilhas e livros. Incentivar a Semana Integrada de Extensão. Proposta: Criar um museu em cada campus. Benefício: Contribuição para o resgate e valorização da memória local, bem como possibilidade maior visibilidade ao IFNMG. Como: Organizar, catalogar, registrar e gerir a memória de cada local. Proposta: Participar ativamente, contribuir com grupos sociais e locais em eventos como: Encontro dos povos do Cerrado, Encontro das Águas, etc. Benefício: Alinhamento do IFNMG às grandes causas sociais e humanísticas locais. Como: Proporcionar que os eventos regionais e locais componham a agenda do IFNMG.
Propostas
Propostas integradoras
Gestão
Ensno
Estudantes
Pesquisa
Extensão
bottom of page